Diligência e Sustentação Oral

Diligência e Sustentação Oral

A diligência e a sustentação oral são procedimentos frequentemente realizados no ambiente jurídico.

A primeira tem como principal função contribuir para o levantamento de provas, bem como esclarecer pontos que ainda deixam dúvidas quanto a um processo.

Enquanto que a sustentação oral é uma ação do advogado, cuja argumentação tem como objetivo convencer o júri a respeito de uma decisão para que ela seja favorável ao seu cliente. 

Os argumentos do profissional que devem ter embasamento técnico jurídico. Portanto, não basta apenas fazer a sustentação, é preciso comprovar o que se apresenta.

Por isso, em processos trabalhistas, é fundamental contar com um advogado experiente, que será capaz de defender todos os seus direitos de maneira firme e embasada. 

Entenda melhor cada um dos procedimentos

Todos os procedimentos realizados dentro e fora dos cartórios e tribunais judiciais em atendimento à solicitação do Juiz de Direito são considerados diligências.

O advogado será responsável pela elaboração da correspondência jurídica adequada para que o funcionário público possa executar a diligência solicitada pelo Juiz.

Por outro lado, a sustentação oral é um ato que deve ser feito pelo advogado de defesa como forma de tentar reverter um posicionamento do júri.

Esse é um momento bastante tenso, uma vez que o profissional precisará argumentar com veemência e comprovar na Lei sua teoria.

Embora ainda ignorado por alguns profissionais, a argumentação ou sustentação oral tem grande poder de esclarecer quaisquer pontos que tenham ficado obscuros.

Diligência e sustentação oral no processo trabalhista

A diligência e a sustentação oral são dois procedimentos muito utilizados nos processos trabalhistas. Por isso, é importante contar com a ajuda de advogados trabalhistas especializados e experientes tanto na elaboração do pedido de diligência como na sustentação oral.

A Diligência no processo trabalhista é uma forma de provar determinado fato. No entanto, somente o Juiz pode fazer o pedido. O advogado especialista em Direito do Trabalho será o responsável por elaborar o documento, que será encaminhado para que o funcionário público possa executá-lo.

Da mesma forma, para a sustentação oral na justiça do trabalho é preciso contar com um advogado especialista e experiente na prática.

Sendo assim, ele vai saber usar a entonação de voz adequada e o embasamento legal como principais no momento adequado, pois eles têm forte poder de convencimento.

Em ambos os procedimentos, nas audiências trabalhistas, é necessário um advogado especializado. É importante que o profissional saiba o momento ideal, bem como a possibilidade de fazer a sustentação.

Portanto, a experiência em ações com sustentação oral no TRT é indispensável para que o advogado possa alcançar os resultados esperados.

Os advogados trabalhistas do escritório da Dra. Thaís D’Afonseca são capacitados e experientes e, certamente vão te ajudar a chegar no melhor resultado possível, defendendo seus direitos trabalhistas.

Conte com a presença de um advogado qualificado nos julgamentos. Entre em contato conosco ainda hoje para conhecer nossos serviços!